Pesquisar
Close this search box.

Berserk: The Black Swordsman ganha trailer oficial

Berserk: The Black Swordsman ganha trailer oficial

Berserk: The Black Swordsman é o novo anime que está sendo produzido pelo Studio Eclipse.

O novo anime adaptará o emblemático Arco do Espadachim Negro, que por muito fãs do mangá é um dos mais importantes.

O Studio Eclipse, e grupo de animadores estão liderando o novo projeto.

A equipe promete que será fiel ao mangá e não terá censura de alguns eventos e cenas.

O que adaptará na nova animação de Berserk?

O novo anime adaptará o Arco do Espadachim Negro, que se passa entre os volumes 1 ao 3 do mangá.

Na ordem cronológica, se passa após ao Arco da Era de Ouro, que estão entre os volumes 3 ao 14 do mangá.

O enredo acompanha Guts, um ex-mercénario que busca vingança sobre Griffith, o ex-lider do bando do falcão e agora membro da “God Hand”.

O que torna essa adaptação especial?

É a primeira vez que o Arco do Espadachim Negro será adaptado para uma animação com total fidelidade ao mangá. As animações de 1997 e 2016 apenas adaptam o Arco da Era de Ouro e os Arcos seguintes e excluem totalmente o Arco do Espadachim Negro.

Os animadores do Studio Eclipse são compostos por fãs apaixonados por Berserk, que querem fazer fielmente uma animação adaptação.


Berserk é uma série de mangá ilustrada e roteirizada por Kentaro Miura, que se passa em um mundo de fantasia sombrio inspirado na idade média. O enredo gira em torno de Guts, um ex-mercenário solitário e brutal, conhecido como espadachim negro que busca vingança sobre “Griffth” seu ex-amigo.

Berserk começou a ser serializado em 1989 pela extinta editora Monthly Animal House. Em 1992 a editora Young Animal assumiu a divulgação de Berserk. No Brasil, a editora Panini é responsável pela publicação.

Recentemente Berserk ultrapassou 60 milhões de cópias ao redor do mundo, mostrando o sucesso mundial da obra de Kentaro Miura.

Você pode acompanhar o anime de 1997 na plataforma de Streaming Crunchyroll, ou ler o mangá criado por Kentaro Miura.

Fonte: Studio Eclipse

Você também pode gostar:

Este blog utiliza cookies para garantir uma melhor experiência. Se você continuar assumiremos que você está satisfeito com ele.